thumbnail

The Smiths




The Smiths foi uma banda inglesa de rock alternativo formada em Manchester em 1982. Tendo como principal característica a parceria nas composições de Morrissey (vocal) e Johnny Marr (guitarras), a banda também incluía Andy Rourke no baixo e Mike Joyce como baterista. Os críticos consideram a banda como sendo a mais importante banda de rock alternativo a surgir nos anos 80. A banda assinou com o selo Rough Trade Records, pelo qual eles lançaram quatro álbuns, várias coletâneas e diversos singles. Embora alcançado pouco sucesso comercial fora do Reino Unido nos seus anos de atividade, e nunca lançando um single que alcançasse o Top 10 na Inglaterra, a banda conquistou grande sucesso nos anos decorrentes, mantendo-se nas prateleiras das lojas até os dias de hoje. A banda encerrou suas atividades em 1987, negando várias propostas de uma eventual reunião.

A banda foi formada no começo de 1982 por Steven Patrick Morrissey, um escritor que era grande fã de New York Dolls e breve vocalista da banda de punk rock The Nosebleeds e pelo guitarrista e compositor John Maher, sendo que este posteriormente alterou o seu nome para Johnny Marr para não ser confundindo com o baterista da banda Buzzcocks, enquanto Morrissey utilizava apenas seu sobrenome para se apresentar.

Após gravar várias várias fitas demo com Simon Wolstencroft (que fez parte da The Fall) na bateria, Morrissey e Marr recrutaram o baterista Mike Joyce no outono de 1982, tendo este um histórico dentro do punk nas bandas The Hoax e Victim. Além de Joyce, também entra para a banda o baixista Dale Hibbert, que trabalhava como engenheiro de gravação em um estúdio, o que possibilitava que a banda gravasse fitas demo . Porém após um show um amigo de Marr, Andy Rourke, assume o posto de baixista, pois, segundo Marr, nem a personalidade e tampouco a maneira de Hibbert tocar se encaixavam no estilo do grupo.

O nome da banda foi escolhido em parte como uma maneira de contrapor os nomes usados por bandas de synthpop como Orchestral Manoeuvres in the Dark e Spandau Ballet, pois para a banda, tais nomes soavam pretensiosos demais. Em uma entrevista em 1984, Morrissey afirma que escolheu o nome "The Smiths" "... porque dos nomes, era o mais comum" e por pensar que "era o momento em que as pessoas comuns mostravam seus rostos." . Em tradução livre, o vocábulo seria "ferreiro" ou "serralheiro", de qualquer forma um sobrenome muito comum na Inglaterra (comparável ao "Silva", no Brasil).
Pelo selo Rough Trade Records lançam em Maio de 1983 o seu primeiro single "Hand in Glove", aclamado pelo conhecido influente DJ da Rádio BBC John Peel, assim como todos os singles posteriores. Contudo, o single não alcançou uma posição favorável no UK Singles Chart. A seguir, os singles "This Charming Man" e "What Difference Does It Make?" conseguiram melhores posições - 25 e 12, respectivamente - no UK Singles Chart.